Indústria: Matéria-prima se normaliza no setor de caixas de papelão

14 de março de 2022

Setor sofreu com escassez de insumos e altos preços; na Mazurky, cenário favorecido estimula investimentos

Pesquisa da FIESP (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo), divulgada recentemente, traçou a situação da disponibilidade de matéria-prima no setor industrial – questão que registrou dificuldade por longo período na pandemia. No segmento de embalagens de papelão ondulado – considerado o termômetro da economia, o relatório aponta normalização.

Ainda segundo o levantamento, a oferta de matéria-prima ocorre com altos preços em algumas áreas, em função da desvalorização do real e o aumento dos preços internacionais (em dólares). O fato, no entanto, não atinge o ramo de caixas de papelão, que não sofreu reajuste nos preços nos últimos dois meses.

O cenário traz boas perspectivas, na avaliação do empresário do setor e diretor da Mazurky, Eduardo Mazurkyewistz, incentivado, ainda, pelo e-commerce, que tem impulsionado a produção de embalagens de papelão. Dados mais recentes, do indicador MCC-ENET, uma parceria entre a Companhia Compre & Confie e a Câmara Brasileira da Economia Digital, mostram que as vendas do mercado online brasileiro cresceram 20,56% em janeiro de 2022, na comparação com o mesmo período do ano passado.

“Enfrentamos tempos difíceis com a questão de matéria-prima, chegando ao ponto de ter que importar insumos, por não ter opção de comprar um volume maior de papelão aqui no mercado interno. Depois, a questão estabilizou, mas com alta nos preços e, agora, felizmente, tudo está normalizado”, fala o diretor da Mazurky, Eduardo Mazurkyewistz.

Cenário estimula investimentos

O bom encaminhamento do setor de embalagens de papelão ondulado tem estimulado a indústria a investir e ampliar o campo de atuação. No caso da Mazurky, a empresa adquiriu máquina digital Single Pass de grande porte, importada da Europa, para impressão digital UV em chapas de papelão ondulado, papel cartão e polipropileno ondulado, sendo a primeira fábrica brasileira do ramo a contar com a tecnologia.

Com a aquisição, que chegará à fábrica neste mês, a Mazurky ampliará seu trabalho, passando a atuar, além da produção de embalagens, também no setor gráfico e de comunicação visual.

Em função do porte do equipamento e o crescimento que a empresa obteve no último ano, a Mazurky migrará para outra planta e prevê a abertura de novos postos de trabalho. “Com a disponibilização de matéria-prima a preço estável, e-commerce cada vez mais em ascensão e investimento em tecnologia, acreditamos muito no crescimento da empresa e das novas vendas”, conclui Mazurkyewistz.

Sobre a Mazurky

Há mais de uma década no mercado, a Mazurky é uma empresa especializada no desenvolvimento e fabricação de caixas de papelão e acessórios de papelão ondulado. Localizada em São Bernardo do Campo, região do ABC Paulista, a organização investe em tecnologia de ponta, com equipamentos de última geração e alta capacidade para a produção de embalagens em todos os tamanhos e formatos, podendo ser produzidas desde o Kraft pesado ao papelão reciclado.

Assessoria de Imprensa:

Predicado Comunicação

Carolina Fagnani – carolina@predicado.com.br – (11) 9 9144-5585 WhatsApp

Vanessa de Oliveira – vanessa@predicado.com.br – (11) 9 7529-0140 WhatsApp

Patrícia Soares – patricia@predicado.com.br (11) 9-9571-7400 WhatsApp