+ 55 (11) 4355-6600

Mazurky - Caixas de Papelão Ondulado

Fabricantes de papelão anunciam reajuste de 12% a partir de junho

Fabricantes de papelão anunciam reajuste de 12% a partir de junho

24 maio
Postado por:
Mazurky

Com o aumento, os fabricantes esperam repassar a elevação de custos dos últimos dois anos. “Vimos mudanças importantes na formulação dos custos e a inflação interna (do setor) já passou do tolerável. Ao chegarmos à metade do ano, já temos uma visão mais clara de quanto de inflação já tivemos e quanto ainda teremos até o final do ano”, justifica o presidente da Associação Brasileira do Papelão Ondulado (ABPO), Ricardo Trombini.

Estimativas que circulam pelo setor indicam que as despesas com papéis (papel reciclado e produzido a partir de fibras virgens) superaram 10% nos últimos meses. O mesmo ocorre com os gastos com manutenção. Já os preços da celulose cresceram pouco menos de 10%, na esteira da série de três reajustes aplicados por empresas como Fibria e Suzano Papel e Celulose nos meses de janeiro, março e maio.

De acordo com o diretor de Negócios Papel e Embalagem da Celulose Irani, Sérgio Ribas, mesmo que os reajustes sejam aplicados, o setor ainda irá operar com margens inferiores a números de 2009. “O aumento recompõe a alta de custos dos dois últimos anos e nos proporciona uma margem um pouco melhor. Mas falamos de um período no qual não conseguimos recompor a alta da inflação”, ressaltou Ribas.

O aumento é dado como certo no mercado. Por isso, a maior preocupação de empresas que compram chapas e papéis de terceiros é de que o novo reajuste seja anunciado no segundo semestre. O período é tradicionalmente mais aquecido, devido às demandas de final de ano, e deverá sofrer a pressão adicional proporcionada por uma possível escassez de papéis reciclados e kraftliner. “Não acredito em falta (de produto no mercado), mas provavelmente teremos surpresas”, afirma o diretor comercial da Mazurky, Eduardo Mazurkyewistz, em clara referência a possíveis novos reajustes ao longo do segundo semestre.

Demanda

O reajuste acontece em um momento de expansão da demanda doméstica por papelão ondulado. Entre janeiro e abril, as vendas do setor cresceram quase 6% na comparação com igual período do ano passado, para 1,093 milhão de toneladas.

Diante dos números divulgados na semana passada, o presidente da ABPO, que inicialmente projetava uma expansão nas vendas entre 3,5% e 4%, mais próxima dos 3,5%, agora já sinaliza para uma alta perto dos 4%.

A forte alta das vendas no primeiro quadrimestre do ano, segundo Trombini, já era esperada. “Para termos uma alta entre 3,5% e 4% no ano, hoje mais para os 4%, precisamos de um primeiro semestre de fato mais forte”, explicou Trombini em entrevista ao Broadcast.

A análise decorre do início de 2012 com números abaixo do previsto, o que permite variações mais altas nos primeiros meses deste ano. Além disso, os dados de janeiro, fevereiro e abril de 2013 representam novos recordes históricos para esses meses.

Em maio, os números também sugerem crescimento robusto, segundo Ribas, da Irani. “Falamos em um número um pouco superior a abril. Talvez uma alta de aproximadamente 5% em maio”, destacou o executivo. A expansão, caso confirmada a projeção de Ribas, ficaria abaixo da alta de quase 12% registrada em abril, já refletindo a base comparativa mais forte dos números de 2012.

Os dados de maio, por sua vez, ajudam a afastar a preocupação de que as vendas mais fortes até abril fossem causadas por um movimento de restocagem da cadeia. Outro fator importante, segundo os executivos, é a característica dos negócios. “Vemos aumento da demanda de forma generalizada em nossa carteira de clientes. Os negócios em abril cresceram 48% em relação ao mesmo mês do ano passado, sendo que as vendas para clientes já presentes em nossa carteira respondem por 40% (da alta) e os novos clientes pelos outros 8%”, destaca Mazurkyewistz. (André Magnabosco – andre.magnabosco@estadao.com)

Veículo: Agência Estado

INFORMAÇÕES

Para obter mais informações sobre os nossos produtos, entre em contato conosco.

LOCALIZAÇÃO

Rua General Izidoro Dias Lopes, 291
Paulicéia - São Bernardo do Campo, SP
CEP: 09687-000

CONTATOS

+ 55 (11) 4355-6600

FALE CONOSCO

Copyright © 2014 – 2017 - Mazurky - Todos os Direitos reservados.

ColetivaWeb