+ 55 (11) 4509-6008

Mazurky - Caixas de Papelão Ondulado

Cases

CASES

Proporcionando redução média de 15% no consumo mensal das instituições, o projeto está em plena expansão e pretende alcançar todas as escolas do Estado.

A Mazurky é a empresa parceira do projeto para o fornecimento de caixas para o transporte adequado de lâmpadas fluorescentes que serão descartadas.

O programa “Eficiência Energética” consiste no esforço para otimizar o consumo da energia. Com grande foco na rede escolar, a iniciativa prevê que, por meio de convênios, concessionárias assumam a função de substituir lâmpadas, luminárias e reatores das instituições por produtos novos, mais eficientes e econômicos.

“A escolha do sistema de iluminação deve-se ao fato de que 70% do consumo de energia elétrica das escolas é gasto com o setor”, explicou Gennaro Soria, coordenador administrativo da GPS/UGP da Secretaria Estadual de Educação (SEE-SP). Até o momento, já foram firmados convênios com as concessionárias AES Eletropaulo (para escolas localizadas na região metropolitana da Grande São Paulo e Capital) e CPFL (instituições localizadas no interior).

Por um lado, o projeto possibilita o cumprimento da Lei Federal nº 9.991 de 24/07/2000 que dispõe sobre a obrigatoriedade da aplicação e recolhimento de valores pelas concessionárias de energia elétrica de 1% da ROL (Receita Operacional Líquida) em Projetos de Pesquisa e Desenvolvimento e Projetos de Eficiência Energética. Por outro, atende ao interesse da Secretaria de Educação em reduzir gastos com consumo de energia elétrica. Além disso, ambos estão preocupados em colaborar com a sustentabilidade.

Desde o início da implantação, em 2007, o programa vem combatendo o desperdício e contribuindo para o uso correto dos recursos energéticos, não só nas escolas, mas também em hospitais, penitenciárias e outros edifícios públicos. “O Estado de São Paulo saiu na frente mais uma vez com esse projeto, mostrando que esse elo deve permanecer voltado à questão da nova maneira de se consumir energia em nosso país”, opinou Luiz Carlos Lopes Jr, gerente de Contas de Poder Público da CPFL Paulista, uma das concessionárias que participam do programa.

Em 2008, a CPFL assinou com a SEE-SP um convênio no valor de R$ 22,3 milhões, onde 1481 escolas foram atendidas. “Fazer o projeto é muito bacana, mas mantê-lo é melhor ainda. Por isso já calculamos um plano de 10 anos” comentou Daniel Bento, da AES Eletropaulo, outra concessionária que mantém convênios com a SEE.

Junto com os anos de experiência, veio também a percepção de que o programa gerava um descarte de material pelo retrofit. Pensando nisso, a Secretaria de Educação do Estado de São Paulo criou um Programa de Descarte que prevê, além do uso de caixas/containers pelas escolas para o adequado acondicionamento de lâmpadas descartadas, a contratação pela FDE, por meio de licitação, de empresa especializada em descontaminação.

Para viabilizar o transporte seguro das lâmpadas, que serão descartadas com todos os cuidados necessários para a proteção do meio ambiente, foram criados modelos estratégicos e exclusivos de caixas de papelão. A Mazurky venceu a licitação para produzi-las. “Preocupados com a questão ecológica, produzimos essa embalagem com material totalmente reciclado e com selo FSC (Forest Stewardship Council) – o certificado verde mais reconhecido em todo o mundo -, garantindo a origem do produto”, afirmou Eduardo Mazurkyewistz, diretor da empresa. Serão cerca de 20 mil caixas que comportam em média 1,5 milhão de lâmpadas.

“Esse é um exemplo de parceria público-privada ocorrendo com sucesso, preservando o meioambiente, gerando uma nova educação, novos hábitos”, opinou Luiz Carlos Lopes Jr, gerente de Contas de Poder Público da CPFL Paulista. Com tantas avaliações positivas, a previsão é que mais convênios sejam firmados nos próximos anos. “Tendo em vista que o resultado da implementação da eficientização energética tem contribuído com uma redução média de 15% no consumo de energia elétrica das instituições beneficiadas, a ideia é estender o Programa Eficiência Energética para todas as escolas da rede pública paulista de ensino”, conclui Gennaro Soria.

Para instruir as escolas participantes sobre como montar as caixas, a Mazurky produziu dois vídeos explicativos. Confira o material abaixo:

play
Caixa tipo 1, para lâmpadas fluorescentes tubulares, clique aqui.
play
Caixa tipo 2, para outras lâmpadas/elipsoidais, clique aqui.

CONFIRA ALGUMAS DAS AÇÕES QUE FAZEM A DIFERENÇA NO DIA A DIA DA MAZURKY

Em 2012 foi realizada a readequação de toda a parte elétrica do processo produtivo, com a separação dos disjuntores por processos, com redução efetiva do consumo de energia elétrica (aproximadamente 21,10%);

Em 2012 foram adquiridos novos maquinários: Máquina de Scherincar (com grandes ganhos ergonômicos aos colaboradores da expedição), Máquina Ploter (aumento do volume de amostras), troca da enfardadeira (antes a empresa utilizava uma dos fornecedores e realizou a compra de uma enfardadeira com atendimento a todos os itens de segurança e atendimento a NR 12)

Investimento na melhoria de competência dos colaboradores, custeando 100% de cursos de Logística, cursos de Marketing, cursos de Segurança do Trabalho, cursos de Tecnologia de Mecatrônica Industrial, e cursos de Corel Draw.

Em 2013 foi realizada a reestruturação de todo o processo fabril, o que levou a organização e significativo aumento da produtividade (mais de 40%).

Fale conosco

Ações de Sustentabilidade Mazurky

AMBIENTALMENTE ADEQUADA

ECONOMICAMENTE VIÁVEL

INFORMAÇÕES

Para obter mais informações sobre os nossos produtos, entre em contato conosco.

LOCALIZAÇÃO

Rua das Orquideas, 475
Vila Marchi - São Bernardo do Campo, SP
CEP: 09810-390

CONTATOS

+ 55 (11) 4509-6008

FALE CONOSCO

Copyright © 2014 – 2017 - Mazurky - Todos os Direitos reservados.

ColetivaWeb